Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
1/02/21 às 12h39 - Atualizado em 1/02/21 às 12h39

Governo vai até área rural ouvir demandas dos moradores

COMPARTILHAR
Posto móvel vai circular pelo Lago Norte aos sábados | Foto: Vinícius de Melo/Agência Brasília

O sábado (30) foi de oportunidade para os moradores do Núcleo Rural do Córrego do Palha, no Lago Norte, que puderam levar suas demandas e necessidades para as autoridades do Governo do Distrito Federal (GDF). Nesta manhã, o trailer do programa Administração Mais Perto de Você, montado pela Administração Regional do Lago Norte, fez sua estreia e foi ouvir as mais de 800 famílias que vivem na região. Segurança, iluminação e preservação da área foram os principais pedidos.

“Temos uma juventude muito ociosa. Além da ronda ostensiva, os projetos sociais e esportivos são muito importantes para nós, pois jovens desempregados são alvos fáceis para a vida de crime”, explicou a moradora Lúcia Mendes. Discurso endossado pelo presidente da Associação de Moradores e Produtores do Núcleo Rural do Palha, Flávio Melo. “Nós vivemos em uma região bem mista, onde moram pessoas com melhores condições e outras em condições bem difíceis e uma juventude muito vulnerável”, explicou.

Além dos perigos com assaltos, Lúcia lembra que o acesso também é um facilitador para garantir a segurança do local. “Temos uma boa escola, por exemplo, mas a dificuldade em chegar até lá, em caminhos sem segurança e sem iluminação pública, dificultam os caminhos da educação”, ressalta.

 

O vice-governador Paco Britto e o administrador do Lago Norte, Marcelo Ferreira, ouviram as demandas dos moradores | Foto: Vinícius Melo/Agência Brasília

Dinâmica

Todas as reivindicações eram ouvidas e registradas pelo administrador do Lago Norte, Marcelo Ferreira. “A importância deste projeto, que batizamos de Administração Mais Perto de Você, é justamente isso: ouvir os pedidos das pessoas que vivem e conhecem a região. Muitas vezes, entre segunda e sexta-feira, as pessoas não têm tempo de ir a administração, por isso escolhemos o sábado como o dia de vir para ouvir a população”, explica. Marcelo adianta que o “gabinete itinerante” da administração passará, ainda, pela península do Lago Norte, Centro de Atividades (CA), Taquari e as demais regiões rurais que compõem a Região Administrativa.

“A importância deste projeto, que batizamos de Administração Mais Perto de Você, é justamente essa: ouvir os pedidos das pessoas que vivem e conhecem a região”Marcelo Ferreira, administrador do Lago Norte

De acordo com o vice-governador Paco Britto, por determinação do governador Ibaneis Rocha, o governo está, cada vez mais, próximo da população. “Sabemos que a população precisa de muita coisa, mas nem sempre vamos conseguir atender tudo. Porém, estando mais próximo de todos, podemos conhecer melhor as demandas e definir as prioridades para atender aos anseios de todos”, explicou.

Paco contou, ainda, que a Vice-Governadoria tem feito visitas em todas as administrações regionais, num projeto chamado Café com o Vice-Governador, para listar, com os administradores, a demanda de cada região do DF. “É muito importante ouvir todos, e estar mais próximo da população é uma das principais metas do nosso governo”, frisou.

“É muito importante ouvir todos, e estar mais próximo da população é uma das principais metas do nosso governo”Paco Britto, vice-governador

Meio ambiente

Ex-diretora da escola da região por 16 anos e presidente da Organização Não-Governamental (ONG) Ilumina, a professora Lara Cardoso apresentou outra demanda para o Núcleo Rural do Palha: a preservação ambiental. O local possui 114 nascentes. “Cuidar do meio ambiente e de toda essa água que a região produz é muito importante, não pode ser esquecido”, afirma.

“É uma região importante para todo o Distrito Federal”, frisou o vice-governador. “Fiz questão de estar aqui hoje, atendendo a uma determinação do governador Ibaneis, nossa grande maestro, para conhecer de perto a demanda desta população e levar todas as demandas para que possamos atendê-las, na medida do possível”, finalizou Paco Britto.

A presença do governo na região agradou, em cheio, os moradores. “Havia mais de 18 anos que não recebíamos a visita de nenhuma autoridade do primeiro escalão dos governos que passaram pelo DF”, disse a professora Lara. O núcleo Rural do Palha surgiu em 1956, antes mesmo da construção da capital.